Cirurgia robótica: Um robô renascentista e a medicina do presente

Cirurgia robótica: Um robô renascentista e a medicina do presente

A primeira capital do Brasil de tantas histórias, lutas e conquistas ganhou em março um novo capítulo, dessa vez ligado a área médica e de tecnologia. A novidade, sem dúvida nenhuma, acrescentará muito no extenso currículo baiano de tantas tradições e inovações: a realização da primeira cirurgia robótica na Bahia.

Cirurgia Robótica

Este grande feito aconteceu no dia 23 de Março pela primeira vez aqui na Bahia e será mais um recurso utilizado pelos médicos em benefício dos pacientes. Maior conforto para o cirurgião, maior precisão nos procedimentos, menor risco de sangramento e uma recuperação mais rápida do paciente são alguns dos benefícios que a utilização da cirurgia robótica promoverá. O cenário promete grandes mudanças a partir de agora.

Em tempos em que se fala muito em atendimento remoto, no entanto, é importante frisar que o robô não irá substituir o médico mesmo em circunstâncias em que se faz necessário este tipo de atendimento, como por exemplo, em regiões geograficamente distantes e com carência de profissionais, e sim será utilizado por ele, como foi feito na primeira cirurgia robótica do dia 23, a favor da medicina e dos pacientes.

O robô é um importante recurso e procedimento humanizado a ser utilizado nessa gratificante e ao mesmo tempo desafiadora arte de curar.

A Arte e a medicina

Cirurgia Robótica

Quadro O grito de Edvard Munch|1893

A palavra Medicina vem do latim “ars medicina” que significa a arte de curar. Durante séculos houve muita proximidade assim como muitos questionamentos sobre onde inserir essa prática que hora se assemelhava a uma produção artística, hora a uma produção científica. Isto se deve também ao fato de que a arte, além de criar e trazer para realidade manifestações oníricas é também  a capacidade que o indivíduo tem de observar, sendo este um dos atributos mais importantes para o médico.

Falando em observação ou desenvolvimento desta faculdade, alguns professores do curso de medicina em universidades ao redor do mundo, estão levando seus alunos para observar obras de arte e dali retirar impressões de dor, alguma doença em pinturas ou esculturas de artistas consagrados.

É comum encontrar expressões de dor em obras de artistas como Van gogh, Michelangelo e Leonardo Da vinci. O objetivo dessas visitas é fazer com que os  alunos exercitem a faculdade de análise e observação através dos meandros da anatomia humana.

Como o presente texto fala em arte, medicina e Bahia, uma curiosidade é que o nome do robô que acaba de realizar a primeira cirurgia robótica na, talvez, maior fábrica de artistas do país, se chama Da vinci fazendo referência a um dos maiores artistas de todos os tempos.

O renascentista italiano, inclusive, segundo algumas fontes, dissecava corpos para tornar suas obras perfeitas e mais interessantes.

Cirurgia robótica : O Futuro que acaba de chegar

Cirurgia robótica

Tanto no seu aspecto artístico como no seu aspecto científico a medicina desvenda, mistérios, encontra soluções e caminha expandindo suas ações nesse universo chamado corpo  humano. Essas ações reverberam não só nos aspectos ligados a saúde, mas também em suas vertentes sociais. As vacinas e as cirurgias .por exemplo, aumentaram a expectativa de vida do homem, o que modificou toda uma estrutura social ligada a família, trabalho e economia.

A arte se reinventa de tempos em tempos e a ciência também, a cirurgia robótica é um exemplo disso.. Muitas ávidos leitores, por exemplo, dizem que ler um mesmo livro em diferentes épocas de suas vidas mudam completamente a percepção dos personagens e da mensagem que a história quer passar.

A ciência e o seu campo de observação e busca também não são estáticos e requer além de muito estudo, sensibilidade. A medida que novos estudos  e produções científicas vão acontecendo, novas percepções e novos horizontes começam a ser contemplados. O Conhecimento em qualquer linha de pensamento funciona como uma cascata, um período se sobrepondo ao outro, com rupturas e também com continuidades.

A primeira cirurgia robótica que aconteceu em outros lugares e no dia 23 de Março  na Bahia, é um exemplo disso. Grandes descobertas científicas nunca surgem da cabeça de uma única pessoa, a ciência se constrói coletivamente através da inspiração e de um ambiente propício para isso.

Iniciamos esse texto falando de tradição,arte e inovação, aspectos diretamente ligados a cultura baiana, e a primeira cirurgia robótica que aconteceu em um  hospital de Salvador, contempla novos caminhos.O Futuro acabou de chegar e pede passagem para trazer todas as novidades, benefícios e desafios.

Marcelo

Bitnami